Stoned Union Doom lança coletânea para divulgar underground nacional

sud
Stoned Union Doomed Compilation é um tributo aos sons arrastados do Brasil (Corte em Reprodução de arte da SUD)

A Stoned Union Doomed lançou mais uma coletânea dedicada à música chapada brasileira. É a Stoned Union Doomed Compilation, que reúne 30 bandas em três horas de música. São artistas de várias vertentes desse tipo de som, desde as bandas mais psicodélicas até as lentas e arrastadas.

O capitão deste barco é Gustav Zombetero, que organizou esta e outras coletâneas à frente do Arrastado e Desacelerado, blog em que escreve sobre música. O Wall of Yawn trocou uma ideia com ele a respeito de divulgação, e da produção independente brasileira de modo geral.

Continue Lendo “Stoned Union Doom lança coletânea para divulgar underground nacional”

Fusão de gêneros define o stoner rock

3722211600_6702aea244_z
Sky Valley tornou-se um dos locais mais emblemáticos do stoner rock (Foto: Ron Gilbert/Flickr)

Nota: O texto original é What are the subgenres within Stoner Rock?, de autoria de Emre Can Serteli, originalmente publicado em inglês. Então, abaixo está a opinião dele acerca dos subgêneros e classificações dentro do stoner. Tradução por: Elyson Gums.

Como um fã de stoner/doom e pesquisador dessas músicas, digo que o stoner rock de hoje tem muitos subgêneros, gêneros relacionados e fusões. A principal razão é a grande quantidade de sons com a qual o gênero é associado. Dá até pra dizer que stoner rock é um termo guarda-chuva que abriga um monte de bandas não relacionadas. Bom, não sou profissional, mas vou tentar explicar o conceito do stoner e porque todas essas bandas estão inclusas na mesma cena. Esse artigo não é escrito sob um ponto de vista profissional, e sim do meu entendimento de música. Então fique a vontade pra corrigir, ouvir os exemplos e fazer as conexões você mesmo.

Continue Lendo “Fusão de gêneros define o stoner rock”

Coletânea de textos para entender porque Phil Anselmo é doente

800px-phil_anselmo_at_red_eyed_fly
Phil Anselmo: típico caso da separação de artista e sua obra (Foto: Mark Scott Austin/Flickr)

Toda a comunidade do metal acompanhou o caso do gesto racista de Phil Anselmo, vocalista do Down, Superjoint Ritual e ex-Pantera. Ao fim do Dimebash 2016, apresentação em memória à Dimebag Darrell, ele fez o sieg heil e gritou white power. Depois falou que estava bêbado e que tudo não passava de uma piada interna.

Entretanto, mesmo com o pedido de desculpas, parece que ele não está tão arrependido assim. O vídeo é mais um “desculpa por essa situação que eu acabei causando” do que “me perdoem por ser racista”.

Continue Lendo “Coletânea de textos para entender porque Phil Anselmo é doente”